Curiosidades

Entrada USB, quais os principais tipos?

entrada_USB_cp

A entrada USB (Universal Serial Bus), está presente na sua rotina, desde quando você utiliza um pen drive para transferir arquivos ou precisa imprimir um documento ou carregar o seu smartphone. Quer saber  mais sobre a tecnologia USB? Nós do blog bringIT explicamos para você!

Surgimento da entrada USB

A tecnologia USB foi criada no final dos anos 90, para melhorar a conectividade dos dispositivos. Com isso surgiu os padrões USB, com a avanço tecnológico os velhos padrões foram substituídos por novos.

A entrada USB, não está presente apenas em notebooks ou desktops, também em televisores, vídeo games, câmeras fotográficas, smartphones, tablets e etc.; podendo variar no tipo de conector.

Conectores

entrada_USB_conectores

  • USB tipo A: é encontrado, por exemplo, no pen drive, teclado ou mouse. Apresenta um formato retangular e ainda é tipo mais utilizado, por meio dele é possível transmitir dados e energia.
  • USB tipo B: está mais presente em impressoras e scanners, ou seja, aparelhos de grande porte; tem um formato quadrado.
  • USB tipo C / USB-C: é mais compacto que os seus antecessores, é o mais atual, com maior  velocidade na transmissão dos dados. Ainda é bem pouco comum, mas já está presente no Chromebook e no novo Macbook e, segundo a Apple, será o novo padrão de conexão USB da marca.
  • Micro e Mini USB:  é visto em pequenos aparelhos, como smartphones e tablets. Pode ser tipo A ou B.

Padrões USB

entrada_USB_porttas

  • USB 1.1:  Ele tinha uma velocidade que variava entre 1,2 Mb/s e 1,5 Mb/s, dependendo da configuração. Teve uma compatibilidade melhorada e alguns erros corrigidos em relação a versão anterior ( USB 1.0) .
  • USB 2.0:  Nos anos 2000, surgiu um novo padrão USB, o 2.0; com uma capacidade de transferência de dados de 480 Mb/s, é compatível com a maioria dos dispositivos atuais.
  • USB 3.0 : Em 2008, foram definidas as especificações do padrão 3.0, que chegou ao consumidor no final de 2010. Apresenta uma taxa de transferência de dados cerca de dez vezes mais rápida que o seu antecessor (5 Gb/s). A partir do USB 3.0, é utilizado a cor azul, para identificar os novos padrões de entrada.
  • USB 3.1: Padrão lançado em 2013, a taxa de transferência é o dobro do USB 3.0, faz 10 Gb/s. É importante lembrar que ele é compatível com os padrões antecessores.

Curiosidade blog bringIT

Já apareceu essa mensagem ao conectar um dispositivo no seu notebook ou desktop?

dispositivo_pode_ser_executado_mais_rapidamente

Você sabia que pode ser devido a entrada USB do seu aparelho ser mais atual que o dispositivo que você conectou? Um exemplo seria conectar um pen drive mais antigo em uma entrada 3.0.

Ficou alguma dúvida? Deixe o seu comentário 😉