Dicas

Deixou seu celular cair na água? Saiba o que fazer

imagemcerta

 

Seja por distração ou azar, na piscina ou no vaso sanitário, os smartphones parecem ter atração por ambientes molhados. Caso se depare com essa situação, não se assuste, nada está totalmente perdido.  Siga as nossas dicas de primeiros socorros e aprenda como salvar o seu celular!

 

Primeiros socorros

Derrubei água no meu celular e agora? Após a queda, retire o celular da água imediatamente e resista à tentação de ligá-lo, isso pode causar um curto circuito. Tente movimentá-lo o menos possível, para que a água não se espalhe e acabe danificando algum componente sensível.

Eliminar umidade

Em seguida, com um pano macio seque o aparelho. Retire a bateria, remova tampas, conectores e o chip.  Caso o celular tenha caído em água salgada é recomendado lavá-lo em água doce- após retirar baterias e complementos- para dar continuidade ao processo.

 


Não usar

Muitas pessoas acabam utilizando o secador nesse processo, o que não é aconselhável.  O jato de ar quente pode danificar e até derreter os circuitos por completo do aparelho. Se desejar, é possível utilizar apenas o secador com jato frio.

 

Na hora de ligar o celular

Certifique-se que o celular está completamente seco. Isso garantirá que se ainda houver água em alguma parte do celular, ele não entrará em curto. O ideal é esperar, no mínimo 3 dias, tempo necessário para que os componentes internos sequem totalmente.

 

Oxidação

Se você seguiu todos os passos e o celular não voltou a funcionar, leve-o a uma assistência técnica. Em alguns casos, a placa do aparelho oxida e precisa ser removida. Isso acontece porque a água é um elemento extremamente agressivo para aparelhos eletrônicos. O oxigênio presente na composição da água em contato com elementos de metal do celular acaba criando uma película de oxidação que impede o contato elétrico. Na assistência, o aparelho será desmontado, as peças retiradas e os resíduos de oxidação removidos.