Tecnologia de teclados e TouchPad farão notebooks mais finos e compactos

Publicado em 24 de agosto de 2012 - Por Murilo Fernandes

A empresa Synaptics está revolucionando o mercado de teclados e Touchpads mundial. Conhecida por empregar sua tecnologia em tablets, celulares e principalmente nos notebooks,em que a maioria dos Touchpads vendidos são feitos pela empresa, a empresa fez anúncios de novos teclados e trackpads que poderão diminuir o tamanho e a sensibilidade desses componentes nos notebooks, tornando os ainda mais leves e finos do que já são.

Teclados
A nova tecnologia para teclados apresentada pela Synaptics é chamada de ThinTouch e foi apresentada como a tecnologia que possibilitou o teclado mais fino do mundo, através do sistema de toque capacitivo, parecida com a utilizada em aparelhos touchscreen. Sem a necessidade de interruptores para a captação das teclas digitadas como são os teclados atuais, o teclado criado é cerca de 50% mais fino que os normais tem poder de ser mais durável que os teclados normais.

teclado

Touchpad
Ao invés de utilizar botões físicos  ou superfícies clicáveis como são os Touchpads atuais, a empresa lançou o ForcePad que é um display sensível à pressão. Realizando uma pressão menor sobre o espaço o cursor o mouse se move, já se aplicar uma maior pressão sobre um ou mais pontos é simulado como um click. Detecta até 5 dedos para gestos no multi-touch, ideal para jogos e para a nova navegação que será possível a partir do Windows 8. Devido à falta de botões é cerca de 40% mais fino que um touchpad convencional.

teclado 2

Com essas duas tecnologias os notebooks poderão ser mais finos que os Ultrabooks já vendidos no mercado, e possibilitarão que o usuário tenha uma melhor experiência de uso, pois serão mais sensíveis e darão um melhor controle nos movimentos executados.

news and informations automotive,business,crime,health,life,politics,science,technology,travelautomotive,business,crime,health,life,politics,science,technology,travel
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe um comentário