Economia de energia: As configurações de energia para um uso consciente do seu notebook

Tempo de leitura: 2 minutos

economia-energia-ti-verde-sustentavel

Independente do sistema operacional utilizado (Linux, Windows®, MaC®, dentre outros), você pode modificar as configurações de energia do seu notebook e fazer economia. Mesmo sendo a relação entre o consumo de energia e o desempenho do equipamento inversamente proporcionais, é possível balancear tal equação afim de minimizar as perdas de desempenho e colaborar com a sustentabilidade.

Assim, um melhor desempenho energético com a redução de frequência e voltagem é uma medida simples e que não implica na percepção de performance, controle de frequência e demanda, no uso doméstico de notebooks/desktops.

Veja abaixo como configurar as opções de energia do seu notebook:

apple-linux-windows

Na Apple, as configurações padrões do seu Mac se conformam às diretrizes ENERGY STAR® de eficiência energética. O programa ENERGY STAR® é uma sociedade de fabricantes de equipamentos eletrônicos que promovem produtos energeticamente eficientes. Uma vez que reduzir o consumo de energia dos produtos economiza dinheiro e ajuda a conservar recursos valiosos. Todas as opções de ajustes estão disponíveis no painel “Economia de Energia das Preferências do Sistema”.  Para abrir o painel, escolha o menu Apple > Preferências do Sistema e clique em Economia de Energia.

economizador-de-energia-apple

No Linux é possível efetuar este controle pelo recurso CPUFREQ do kernel. Ainda para Linux, a opção de gerenciamento de energia chamada “modo Laptop” faz com que o kernel procure gerenciar o IO de disco da melhor maneira possível. Alguns distribuidores incluíram o “modo Laptop” separado da instalação padrão, permitindo que este script ative o modo automaticamente em alguns casos.

Já na plataforma Windows, selecionando no Painel de controle a página “Hardware e Sons” abrirá a central “Opções de Energia do Sistema Operacional”; nela você tem a possibilidade de gerenciar os tempos de inatividade de alguns componentes e processos que consomem a maior parte da energia de um equipamento como monitor, disco rígido, configurações de desktop, placa sem fio (wireless), processador, processo de exibição de vídeos, consumo energético dos componentes PCI Express, bem como o comportamento do resfriamento do equipamento.

opcoes-de-energia-windows

O Windows 10 apresenta um sistema de economia de energia com mais recursos, capaz de gerenciar notificações de apps em segundo plano, exclusões e diminuição do brilho da tela.

É preciso que o usuário se conscientize de que a TI Verde também pode ser praticada em sua casa com pequenas mudanças de comportamento e ações voltadas à redução da emissão de CO2. Para tal, é necessário fazer uso da reutilização e reciclagem de equipamentos, investimentos (quando necessários) em suprimentos com “selo verde” e evitar a subutilização de sistemas, otimizando o uso de quaisquer produtos sejam eles eletrônicos ou não.

A bringIT apoia essa causa, e você? 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *